quinta-feira, 23 de março de 2017

Feira do Produtor de São João da Barra opção de produtos orgânicos para consumidores

(Foto: Divulgação)
Com duas edições semanais no município – aos sábados na sede e aos domingos no Galpão do Produtor, às margens da BR-356 –, a Feira do Produtor de São João da Barra é uma opção para o consumidor levar para a mesa produtos que vêm direto da roça, sem agrotóxicos. O Programa é desenvolvido pela Secretaria Municipal Agricultura e conta com aproximadamente 50 agricultores familiares.

A Feira foi reativada na segunda quinzena de janeiro e já contabiliza um saldo positivo. A Prefeitura retomou a atividade disponibilizando um micro-ônibus e um caminhão para transportar os feirantes e suas mercadorias, além de reforma das bancas e do Galpão do Produtor. “Com esse transporte viabilizado pela Secretaria de Agricultura, temos mais conforto e segurança para trabalhar”, salientou o coordenador da Feira, Jair Barboza.

Com a comercialização de frutas, verduras, legumes, peixe, produtos artesanais, entre outros, o Programa garante aos agricultores uma fonte de renda que permite a manutenção da produção e o sustento de suas famílias. “As feiras são o ponto de escoamento da nossa produção”, contou Elzi de Souza, do Açu, ressaltando a presença de mulheres entre os feirantes para o complemento da renda familiar.

A moradora de São João da Barra Giovana Meireles frequenta a Feira todos os domingos no Galpão do Produtor. “Venho toda a semana, pois sei que aqui encontro alimentos orgânicos e de qualidade. Já conheço os agricultores e a procedência dos produtos”, destacou.

A feira acontece em São João da Barra aos sábados, em frente à Prefeitura, e no domingo no Galpão do Produtor, na BR-356, entre Atafona e São João da Barra, das 6h às 13h. Em Campos dos Goytacazes as feiras são realizadas às terças e sextas-feiras, na Avenida 28 de Março, no Bairro Turf Club, e nos fundos da Rodoviária Roberto Silveira, das 5 às 13h.






Fonte: Comunicação PMSJB

Mais de meia tonelada de lixo retirada do Rio Paraíba em Campos

(Foto: Divulgação)
Cerca de 600 quilos de lixo foram retirados no Rio Paraíba do Sul na manhã desta quarta-feira (22), durante a ação “Rio Limpo, Rio Vivo”. A ação foi realizada pela secretaria de Desenvolvimento Ambiental, em comemoração ao Dia Mundial da Água, em parceria com o Projeto Rema Campos e com apoio da Defesa Civil, da Guarda Civil Municipal, do Corpo de Bombeiros e da empresa Vital.

Quarenta alunos do Ciep Nilo Peçanha também participaram da ação de retirada dos materiais inservíveis e de uma palestra sobre a importância da água, ministrada pela diretora de Gestão de Resíduos, Deborah Gama.

— Todo o lixo recolhido será separado. O lixo orgânico será levado para o aterro e o material reciclável será levado para as cooperativas. Esta é uma ação educativa de extrema importância para a população — explicou Deborah.

A estudante Maíra Duarte fez questão de divulgar a ação para os amigos e de ajudar na coleta dos materiais inservíveis.

— É muito importante ações como esta, de preservação do meio ambiente, principalmente com estudantes. Impressionante como as pessoas ainda não se conscientizaram sobre não jogar lixo às margens do Paraíba — disse Maíra.

O secretário de Desenvolvimento Ambiental, Leonardo Barreto, percorreu o Rio Paraíba de barco com a equipe do Corpo de Bombeiros.

— Em poucos minutos percorrendo a margem do Paraíba foram retirados três sacos de lixo de 100 litros. É uma quantidade assustadora, principalmente de garrafas pet. Ações como esta são para despertar a consciência ambiental na população. É importante que as pessoas se conscientizem e não joguem lixo no rio — enfatiza Leonardo.








Fonte: Comunicação PMCG

Assalto a comércio com reféns e roubo de Hillux em São João da Barra


(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Três bandidos armados assaltaram um comércio, fizeram reféns e fugiram levando uma caminhonete Hillux na manhã desta quarta-feira (22) por volta das 07h, entre as localidades de Cazumbá e Campo de Areia, em São João da Barra.

A polícia informou que o trio chegou ao local em um carro modelo Ônix, de cor branca e pediram um lanche. Logo depois, os suspeitos anunciaram o assalto e amarraram a proprietária do local em um quarto e mais três funcionários que chegavam para trabalhar.

Os bandidos roubaram um aparelho de som, joias, três celulares, duas TVs e uma caminho modelo Hillux, de cor branca, da proprietária do comércio. A polícia realizou buscas, mas até o momento, ninguém foi preso. O assalto foi registrado na 145ª DP da cidade.




Fonte: Campos24horas

Campos tem 110.456 mil imunizados contra a febre amarela e vacinação terá apoio do Exército

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Atendendo ao convite da Câmara de Vereadores de Campos, a diretora da Vigilância em Saúde, Andréya Moreira, esteve no Plenário do Legislativo nesta quarta-feira (22) para apresentar um balanço de todas as ações que vêm sendo desenvolvidas pelo município na estratégia de vacinação contra a febre amarela. A médica, que é mestre em Medicina Tropical pela Fiocruz, informou que já são 110.456 mil pessoas imunizadas no município e que não há vírus circulante na cidade. Sobre o caso suspeito de uma jovem, que ficou internada em um hospital público do município, ela esclareceu que o exame descartou a febre amarela. O diagnóstico foi de leptospirose.

A diretora da Vigilância em Saúde anunciou que, a partir desta quinta-feira (23), o Exército estará reforçando a segurança nos 15 polos de vacinação. “Fomos até o major Bottrel (Guilherme Bottrel), comandante da 2ª Companhia de Infantaria] e, a partir desta quinta, estaremos com esse reforço do Exército”, informa. A vacinação segue das 8h às 16h.

Ela explicou todo o processo que envolve a doença, transmitida através da picada de mosquito e que, desde 1942, não há registro de febre amarela urbana. A médica lembrou que as estratégias adotadas pela Secretaria de Saúde antecederam a propagação da doença nos primeiros locais onde houve registro, como os estados de Minas Gerais e Espírito Santo.

– Nossa estratégia começou pelas divisas nos distritos de Santo Eduardo e Santa Maria. Fizemos o cinturão da Mata Atlântica porque ficamos apreensivos. Antes de tudo ocorrer, estávamos desenvolvendo muitas ações. Houve uma cronologia e estivemos sempre à frente -, explicou, lembrando que a primeira reunião sobre o assunto com autoridades de saúde do Estado aconteceu no dia 26 de janeiro e, no dia 30, o bloqueio teve início em Campos.

A diretora da Vigilância em Saúde informa que, diariamente, estão sendo vacinadas cerca de 20 mil pessoas. Para os próximos dias, mais doses de vacina chegarão ao município, segundo Andréya. “Não há necessidade de pânico. Não fazemos parte de um alerta epidemiológico porque não temos vírus circulando na cidade e, quando saiu o resultado do macaco encontrado morto em Rio Preto, mais de 80% da população de lá já estava vacinada”, explica a diretora da Vigilância em Saúde, lembrando que o animal foi encontrado no dia 07 e a vacinação teve início na localidade no dia 04.

Idosos – A médica voltou a falar sobre a necessidade da vacina ser aplicada em idosos, apenas, com indicação médica. “A vacina contra a febre amarela é uma vacina de vírus vivo atenuado. Não é um vírus morto como o da gripe, por isso, as vacinas só podem ser aplicadas em idosos com o atestado médico que garante que eles têm imunidade para isso”, explica.

Doação de sangue – A diretora da Vigilância em Saúde também reforçou a importância dos doadores de sangue irem ao Hemocentro Regional do Hospital Ferreira Machado, antes de tomar a vacina contra a febre amarela. “Precisamos aumentar o estoque de sangue e, quem toma a vacina, não pode doar sangue em menos de 28 a 30 dias, portanto, todas as pessoas que forem doar sangue, receberão um comprovante para que, na hora de tomar a vacina, não precisem enfrentar fila”.





 Fonte: Comunicação PMCG

quarta-feira, 22 de março de 2017

SJB: servidores da Educação receberão férias nesta sexta

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A prefeita Carla Machado (PP) anunciou nesta quarta-feira (22) que vai quitar nesta sexta-feira (24) os valores referentes às férias coletivas (1/3) deste ano aos servidores da Educação. Carla salientou que o pagamento ocorre após a atual administração já ter quitado a metade do 13º salário e os salários em atraso de dezembro dos servidores efetivos.







Fonte: Ascom PMSJB | Blog do Arnaldo Neto

Rosinha candidata a governadora em 2018?

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
Ex-prefeita de Campos e ex-governadora do Rio, Rosinha Garotinho (PR) é apontada, principalmente por correligionários, como pretensa candidata à sucessão de Pezão (PMDB) no Palácio Guanabara. Como divulgado pelo jornalista Saulo Pessanha (aqui), o Informe do Dia publicado no dia 2 de março revelou que Rosinha não seria candidata a nenhum cargo eletivo ano que vem. Segundo a coluna, ela quer se dedicar a projetos pessoais, como artes plásticas. Como não é a primeira vez que ela diz que não será candidata e no fim tem o nome lançado, a informação não convenceu sequer seus aliados.

O ex-vereador Thiago Virgílio (PTC), eleito no ano passado, mas não diplomado por restrições em ação penal e, posteriormente, condenado em Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije), ambas relacionadas à denúncia de uso de Cheque Cidadão em troca de votos, fez uma postagem no seu perfil do Facebook, na manhã desta quarta-feira (22), no qual praticamente “lança” a pré-candidatura de Rosinha nas redes sociais. Fiel aliado do casal Garotinho, Virgílio contesta a não inauguração da Vila Olímpica do Parque Alphaville e aproveita agradecer a sua "Eterna Prefeita e futura governadora Rosinha Garotinho”.

É certo que a alta rejeição a Garotinho, que chegou a bater 44% no período eleitoral de 2014, segundo pesquisa Ibope, praticamente inviabiliza pretensões do ex-governador de voltar ao comando, oficialmente, do Guanabara. Rosinha não teria tal problema. A questão pode esbarrar, porém, na Chequinho. Rosinha é ré na ação principal “escandaloso esquema” e a audiência para inquirição de testemunhas acontece nesta quinta-feira (23). Todas as sentenças proferidas no caso, até o momento, resultou na ilegibilidade dos réus por oito anos.


A conferir!





Fonte: Blog do Arnaldo Neto

No Dia da Síndrome de Down, prefeito Rafael Diniz participa de encontro na Fundação de Esportes

(Foto: Divulgação)
O prefeito Rafael Diniz e o presidente da Fundação da Municipal de Esportes (FME), Raphael Thuin, deram boas-vindas aos alunos inscritos no Projeto do Paraesporte. O encontro teve como objetivo comemorar o Dia Internacional da Síndrome de Down, celebrado nesta terça-feira (21). “Nada melhor do que estar com eles neste dia tão importante e receber abraços sinceros”, disse o prefeito de Campos.

A equipe do Projeto Paraesporte da FME preparou um lanche para receber alguns pais e alunos inscritos nos aulas do projeto pioneiro que já matriculou mais de 250 pessoas. A Fundação oferece 450 vagas entre várias atividades esportivas. Raphael Thuin, que também é embaixador da Olimpíadas Especiais Brasil, comentou sobre o compromisso de sua equipe na realização desse trabalho com as famílias campistas.

— Há 15 anos trabalho diretamente com pessoas portadoras de necessidades especiais e sei da importância da inclusão delas na sociedade. O resultado é surpreendente e reflete no desenvolvimento psicomotor dos alunos e afetivo, assim como dos pais, que melhoram a autoestima, já que passam a conviver com situações adversas e percebem que não estão sozinhos nesta caminhada — explica Raphael Thuin.

Aula Inaugural – As comemorações para marcar o início das aulas do Projeto Paraesporte, que estavam previstas para o último dia 20, foi transferida para o dia 3 de abril. Na ocasião, o evento vai homenagear o Dia do Autista, que é celebrado no dia 2. A mudança da data ocorreu devido a campanha de vacinação contra a febre amarela e as chuvas que caíram no município no último fim de semana.





Fonte: Comunicação PMCG

Saúde de Campos vacina mais de 43 mil pessoas contra a febre amarela

(Foto: Divulgação)
Em três dias de vacinação em massa contra a febre amarela em Campos, o município imunizou 43.207 pessoas. O trabalho segue em diversos polos e o objetivo é que toda população seja vacinada. A Vigilância em Saúde orienta que não há motivo para pânico, pois não faltará doses.

Segundo dados do órgão, no sábado (18), primeiro dia da ação, foram 10.120 pessoas vacinadas. No domingo (19), mais 13.778 estiveram nos polos e, na segunda-feira (20), o balanço foi fechado em 19.309 imunizados.

A vacinação acontece nos seguintes postos: Secretaria de Saúde, CRTCA I e II, Fundação Municipal de Esportes (antiga AABB), Ginásio do CCH na Uenf, UBS de Ururai, UBS do Joquei, UBS da Penha, Hospital São José, Fundação Rural de Campos, Centro de Saúde de Guarus, UBS Alair Ferreira, UBS de Farol de São Tomé, Vila Olímpica do Parque Guarus e Vila Olímpica de Travessão.

De acordo com a estratégia montada para esse período, durante a semana todos os postos citados estarão vacinando. Já nos finais semana, serão seis: Fundação Rural de Campos, Fundação Municipal de Esportes, UBS da Penha, Vila Olímpica de Travessão, Vila Olímpica do Parque Guarus e Ginásio do CCH na Uenf.

As pessoas devem comparecer aos locais munidos de carteira de identidade, comprovante de residência e cartão de vacinação, principalmente os menores de idade. A vacina é destinada a pessoas entre 9 meses e 60 anos, obedecendo às indicações e contraindicações do Ministério da Saúde, que são: não possuir doenças como câncer, HIV positivo; não ser alérgico a proteína do ovo e a gelatina; não fazer uso de medicamentos como corticoide; não ser gestante e não estar amamentando.

Bloqueio – Além da vacinação na área urbana do município, a Vigilância em Saúde permanece com o bloqueio vacinal nos distritos com áreas de mata e proximidades. O trabalho segue nesta terça-feira (21) em Ibitioca; e em Morro do Coco, nos dias 22, 23 e 24 de março.






Fonte: Comunicação PMCG

Grávida é assassinada durante tentativa de assalto em Campos

(Foto: Divulgação)
Geciane Siva de Medeiros, 39 anos, foi assassinada a tiros na noite desta terça-feira (21) durante uma tentativa de assalto, na Rua João Manoel de Faria, no Jóquei, em Campos.


De acordo com a polícia, a vítima estava com o marido dentro de um veículo Corcel, de cor bege, passando seguindo em direção ao Jóquei, quando um homem armado abordou o casal, ordenando que parasse o carro. Imediatamente o marido da vítima, identificado como F.M.P, de 39 anos, parou e desceu do carro e o criminosos efetuou os disparos. O marido da vítima não foi atingido, mas precisou ser socorrido devido ao estado de choque.

A princípio informações davam conta de que Geciane estava grávida, mas a polícia não confirmou. Ela foi atingida na cabeça e morreu no local. A polícia também não informou se o criminoso levou algum pertence.

Buscas foram feitas, mas até a publicação desta matéria, nenhum suspeito havia sido preso.

O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML) e o caso registrado na 134ª DP/Centro para investigação.







Fonte: Campos24horas

terça-feira, 21 de março de 2017

São João da Barra: 5 mil novas doses da vacina contra a febre amarela


A Secretaria Municipal de Saúde de São João da Barra conseguiu junto ao Governo do Estado a liberação de mais uma remessa da vacina contra a febre amarela. São 5 mil doses que estarão disponíveis a partir desta quarta-feira, 23.

Além dos atuais postos de vacinação nas Unidades de Saúde de Atafona, Cajueiro, Quixaba, Felix de Sá (sede), e nos PSF's de Açu, Barcelos, Campo de Areia, Grussaí e Mato Escuro, a imunização acontecerá também no PSF do Bairro Nova São João da Barra.

Até o momento, 10 mil doses foram aplicadas no município, em um trabalho iniciado pela Secretaria de Saúde no sábado e que prosseguirá de acordo com o envio das doses para atender a demanda.








Fonte: Ascom PMSJB

Ex-prefeito Neco de SJB, é condenado na Operação Machadada

(Foto: Ralph Braz | Pense Diferente)
A Operação Machadada, deflagrada pela Polícia Federal (PF) em 2012, condenou Carla Machado, Alexandre Rosa, Alex Firme e o ex-prefeito José Amaro Martins de Souza - Neco (PMDB), em uma sentença expedida em primeira instância, nesta segunda-feira (20).

A Prefeita, o vice-prefeito e o vereador irão permanecer em seus respectivos cargos, já que os registros foram deferidos antes da sentença.

Por outro lado, o ex-prefeito Neco está inelegível por oito anos, a contar de 2012.

Os quatro podem recorrer da sentença.







Fonte: Portal OZK

Cadastramento biométrico para eleitores de SJB



O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) dará início, no dia 17 de abril, ao cadastramento biométrico obrigatório dos eleitores do município de São João da Barra. O atendimento será realizado na Rua São Benedito, 173 (próximo ao Fórum), de segunda a sábado, das 10h às 18h. Quem quiser evitar filas poderá agendar, a partir do dia 1º de abril, pela internet, em www.tre-rj.jus.br/biometria, ou pelo telefone (21) 3436-9000.

Para fazer o cadastramento, o eleitor deverá levar original e cópia de um documento de identidade oficial com foto e de um comprovante de residência, como conta de luz, água ou correspondência bancária, desde que emitido até três meses antes da data do atendimento.

Vale lembrar que o comprovante deve estar no nome do próprio requerente, do cônjuge ou de parente até o 2º grau, juntando-se cópia de documento que demonstre o vínculo familiar. Além disso, quem tiver título de eleitor também deverá levá-lo.

No caso de nova inscrição, os eleitores do sexo masculino maiores de 18 anos deverão apresentar, ainda, o comprovante de quitação militar. Já quem quiser atualizar o nome deve levar um documento que comprove a alteração dos dados, como a certidão de casamento, por exemplo.

O cadastramento, que vai até 15 de julho deste ano, é obrigatório para os 37.569 eleitores do município, inclusive aqueles cujo voto é facultativo, como os menores de 18 anos, os maiores de 70 anos e os analfabetos.

Só estão dispensados aqueles que já tiveram seus dados biométricos coletados pela zona eleitoral do município (4.792 eleitores) e os eleitores que tiverem registrado em seu histórico no cadastro eleitoral o código indicativo de deficiência que impossibilite ou torne extremamente oneroso o cumprimento das obrigações eleitorais. Quem desejar transferir seu título de eleitor para São João da Barra também deverá comparecer ao posto de atendimento.

Eleitores faltosos

Os eleitores que deixaram de votar ou faltaram aos trabalhos eleitorais deverão pagar as respectivas multas antes de realizar o cadastramento biométrico. Para tanto, poderão obter a guia de pagamento da multa no próprio posto de atendimento, em qualquer zona eleitoral ou, ainda, no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Os eleitores de São João da Barra que não fizerem o cadastramento biométrico até 15 de julho terão o título cancelado. Com isso, além de ficarem impossibilitados de votar nas próximas eleições, não poderão tirar passaporte, prestar concurso público ou obter empréstimos em bancos oficiais, entre outros impedimentos.

Tecnologia

O sistema com leitor biométrico identifica as impressões digitais e impede que alguém vote no lugar de outro eleitor, ou mesmo que utilize um documento falso de identidade para tirar o título, já que cada pessoa possui impressões digitais únicas. Quando comparecer ao posto de atendimento, o eleitor fará a coleta da impressão digital, irá tirar fotografia digital e também atualizará os dados cadastrais. No dia da eleição, ele será identificado em sua seção eleitoral por meio da impressão digital, e o sistema biométrico irá liberar a urna eletrônica para votação. No estado do Rio, os municípios de Búzios e Niterói já passaram pelo cadastramento biométrico obrigatório dos eleitores.






Fonte: ascom PMSJB

Se estivesse vivo, Ayrton Senna completaria 57 anos hoje


Os anos passam mas ainda se liga a televisão aos domingos pela manhã esperando o locutor anunciar mais uma vitória de Ayrton.

Se estivesse por aqui, Ayrton Senna estaria completando 57 anos, com toda a simplicidade e simpatia que o transformaram em um herói brasileiro. Um herói que ainda é.

Sua irmã Viviane Senna comanda o Instituto Ayrton Senna que ajuda milhares de crianças e jovens em todo o país. Uma visão não assistencialista, mas sim de dar oportunidade, educação e capacitação na certeza de um futuro melhor.

E Ayrton só poderia mesmo ter nascido neste dia que é também o Dia Mundial da Infância e da Eliminação da Discriminação Racial. Neste ano, a data é marcada pela preocupação com as crianças refugiadas na Europa.






Fonte: Agência Brasil

Produção de caju é destaque em São João da Barra

(Foto: Divulgação)
São João da Barra colhe os frutos de um plantio que começou em 2010, durante o segundo governo da prefeita Carla Machado, com a criação do Programa de Revitalização do Cultivo do Caju. A iniciativa da Secretaria de Agricultura foi desenvolvida em virtude da propagação, a partir de 2005, de uma praga conhecida como mosca branca, que dizimou mais de 90% dos cajueiros nativos no município.

Foram distribuídas, na época, 45 mil mudas da espécie caju anão, trazidas do Ceará para atender 300 produtores em uma área de 150 hectares. Em razão do investimento feito na ocasião, hoje o município volta a colher uma produção significativa, garantindo aos agricultores a rentabilidade necessária para manter o plantio e continuar investindo na produção do fruto.

De acordo com o secretário de Agricultura, Osvaldo Barreto, esse resultado só está sendo possível graças ao investimento do governo municipal há sete anos. “A prefeitura, por meio da Secretaria de Agricultura, fez um trabalho importante junto aos produtores e hoje eles já estão colhendo os frutos desse programa. Se não fosse o investimento realizado lá atrás, não teríamos mais produção de caju em São João da Barra, porque a praga tinha acabado com tudo”, contou.

De acordo com Osvaldo Barreto, que também era secretário da pasta na ocasião, cerca de 300 famílias viviam da comercialização do caju nativo que foi dizimado quase em sua totalidade pela mosca branca e, com a revitalização da cultura da fruta, essas famílias passaram a cultivar de forma mais profissional o fruto e a atividade voltou a gerar renda no município.

Para o produtor Alessandro de Oliveira, a venda do caju é um complemento importante na renda familiar “A produção que nós estamos colhendo hoje é resultado do projeto de revitalização que houve no passado. Por causa desse trabalho que estamos aqui, trabalhando e sustentando nossas famílias”, contou.

De acordo com o agrônomo da Secretaria Municipal de Agricultura de São João da Barra, Gustavo Ribeiro de Castro, a produção do fruto cultivado na Sede, Cajueiro, Degredo e 5º Distrito chega a 50 toneladas por ano. “Todo o caju comercializado no município é resultado desse programa, que conta com novas variedades do fruto, como o caju anão, geneticamente melhorado, o que garante a colheita e o tempo de safra por um período maior que o do caju tradicional e uma produção por pé até dez vezes maior”, explicou.






Fonte: Ascom PMSJB

segunda-feira, 20 de março de 2017

Sábado com diversão nas escolas municipais de São João da Barra

(Foto: Divulgação)
O primeiro sábado letivo das escolas municipais de São João da Barra foi repleto de alegria, com muita diversão e interação entre as famílias. Os estudantes, em sua maioria, preferiram curtir um dia diferente no ambiente escolar, aproveitando as brincadeiras e as guloseimas preparadas com carinho pelos gestores, professores e equipe de apoio. O sábado letivo visa complementar a carga horária mínima prevista em lei e consta no calendário escolar 2017 do segmento regular e da Educação de Jovens e Adultos (EJA), compreendendo este ano 17 sábados.

A escola Chrisanto Henrique de Souza, no Açu, 5° distrito, realizou a III Acolhida Fraterna, direcionada aos familiares e alunos. "É uma manhã diferenciada, sobretudo para os pais de alunos novos, que aproveitaram para conhecer e interagir com a equipe escolar. Essa parceria entre a escola e a família é a base para o sucesso do aluno durante o ano letivo", afirmou o diretor Alcy Viana. Uma banda formada por alunos da instituição encantou os presentes com sua apresentação musical.

Ainda no 5° distrito, precisamente na Escola José Alves Barreto, em Mato Escuro, os alunos participaram de um piquenique no campo, e ainda confeccionaram pipas e muitas rabiolas. “Foi uma manhã muito bacana, com a presença dos pais. Aproveitamos os sábados letivos para atividades de recreação com os alunos, promovendo assim, maior interação entre eles”, pontuou a diretora Cláudia Oliveira. Na agenda da escola já consta um campeonato de vôlei que será disputado com a Escola Estadual Municipalizada Luiz Gomes da Silva Neto, de Enjeitado.

De acordo com a portaria 001/2017, em seu artigo 3º, os sábados letivos podem ser destinados a aula, assim como a culminância de projetos, gincanas, feiras, palestras, exposições, dentre outras atividades cívico-culturais. O próximo sábado letivo será no dia 1 de abril, com atividades em todas as escolas municipais.

O lúdico é de grande importância na educação, já que contribui com a construção do conhecimento, favorecendo a demonstração de sentimentos. “As brincadeiras tendem a melhorar o convívio entre as crianças, fazendo com que haja trocas, colaboração, respeito e trabalho em equipe, desencadeando a atenção, fundamental no processo de aquisição do saber”, disse a Secretária de Educação e Cultura, Lúcia Siqueira.





Fonte: Ascom PMSJB